Nós temos falado bastante sobre a centralidade da luta corporal em curta distância na defesa pessoal e, por consequência, no karate histórico. Nós já demonstramos muitas aplicações de kata/bunkai com ênfase no potencial ofensivo (e de controle) à curta distância, como por exemplo aqui. Mas como fica a parte defensiva? Será que não é muito mais difícil defender-se à curta distância?

Na verdade, em primeiro lugar, como já falamos antes aqui, em uma situação de defesa pessoal (ou seja, no karate antigo), o defensor raramente tem ao menos a possibilidade de escolher não lutar em curta distância. Se você está realmente em uma situação de defesa pessoal (e não em uma briga ou situação esportiva), quase sempre você simplesmente vai ser obrigado a lutar em curta distância. Em segundo lugar, na realidade, frequentemente é bem mais fácil defender-se de um atacante à curta distância! Eu imagino que essa afirmação pode parecer inesperada, mas eu vou provar o que estou dizendo (no Muidokan nós provamos tudo o que nós dizemos). Mas para obter essa vantagem defensiva à curta distância, temos que usar os princípios históricos que o karate antigo ensina. Entre alguns ensinamentos orais históricos (kuden 口伝) que eu cataloguei ao longo dos anos e que aplico e ensino no Muidokan, estão:

  • Muchimi ムチミ/もち身. “Corpo de mochi もち”: qualidade do corpo do karateka com danryokusei 弾力性: pegajoso, elástico, adaptável e resiliente;
  • Chiru nu chan chan チルヌチャンチャン. Reação instantânea baseado na sensibilidade tátil fornecida pelo muchimi;
  • Meotode 夫婦手. “Mãos casadas”: emprego contínuo e ativo das duas mãos conjuntamente;
  • Kake-ai 掛合. “Harmonia do contato”: a habilidade de integrar as técnicas de curta distância em harmonia entre si.
  • Suemono ni suru 据え物にする. “Transformar o oponente em suemono 据え物”. Paralisar o oponente para então golpeá-lo.

Eu vou falar mais sobre cada um desses princípios (e muitos outros) em artigos futuros, então siga acompanhando as nossas postagens!

Você pode ver a aplicação prática desses princípios e do incrível poder defensivo do karate antigo no vídeo abaixo:

Diante de tudo que foi mostrado, quero fazer algumas considerações finais:

* Ressalto novamente que o que fazemos aqui não é achismo ou invenção. Trata-se do fruto de uma pesquisa séria de 10 anos, estritamente fiel aos kata e aos ensinamentos disponíveis em incontáveis fontes históricas autênticas, algumas delas disponíveis apenas em contatos individuais com mestres, ou conferidas diretamente nos documentos originais em japonês.

* Todo o nosso material tem sido exaustivamente testado sob pressão — inclusive contra praticantes de outras artes marciais e por vezes até mesmo em situações não controladas. Essas técnicas são também testadas novamente por outros membros do Muidokan (nós aplicamos a sistemática de revisão por pares própria do método científico). Nós só trabalhamos com técnicas de eficácia comprovada.

* Tome cuidado ao tentar as técnicas. Sempre é melhor ter um instrutor qualificado para lhe orientar. Quando passar o período de isolamento da pandemia, o Muidokan voltará a oferecer seminários, e as escolas associadas e núcleos de treinamento voltarão a oferecer aulas normais.

Se você gostou do nosso conteúdo, por favor, comente, curta e compartilhe. Siga-nos nas nossas mídias sociais (links no cabeçalho desta página). O karate está passando por uma revolução com a redescoberta das verdadeiras técnicas históricas. Faça parte da revolução do karate contribuindo para levar essas informações a mais pessoas. Esse retorno é inevitável — o karate nunca mais será o mesmo. E você pode ser uma parte ativa dessa restauração!

Obrigado novamente  pelo apoio. Sigam firmes, e ótimos treinos para todos!

Samir Berardo

Related Posts